Soinsee: um lago escondido nos Alpes bávaros

Soinsee - Lago nos Alpes Bávaros

Aos poucos, a vida está voltando ao normal aqui na Alemanha. Quer dizer, caminhamos para o “novo normal” – talvez. Agora, podemos sair de casa e encontrar amigos sem correr o risco de levar uma multa por isso. As máscaras, no entanto, viraram regra em locais fechados como transportes públicos e supermercados. Na porta das lojas, há sempre um vidrinho com álcool em gel para que higienizemos as mãos antes de entrar.

Na última semana, decidimos aproveitar os primeiros dias de liberdade e sol para fazer uma trilha nos arredores de Munique. A escolhida? A trilha para Soinsee, um lago escondido no alto das montanhas dos Alpes bávaros (a 1.458 metros de altitude!), que fica congelado de seis a oito meses por ano.

A trilha para Soinsee: como chegar

Com até doze metros de profundidade, o Soinsee está localizado no município de Bayrischzell. O lago só pode ser acessado a pé a partir de Bayrischzell ou Spitzingsee.

Osterhofen: uma vilinha com as famosas construções bávaras

Por isso, pegamos um trem de Munique até Osterhofen (cerca de 1h20), município que faz parte de Bayrischzell, e seguimos a pé até a trilha para Soinsee. Eis a trilha que seguimos:

A trilha é relativamente fácil e apenas nos quilômetros finais se tornou cansativa de verdade.

Soinsee: o início da trilha
Soinsee: o início da trilha

Como estamos na primavera, as paisagens dos Alpes ganharam cores e cores por causa das flores. Rosas, azuis, lilases, muitos e muitos amarelos. Os campos abertos, as vistas lá do alto das casinhas isoladas e as montanhas ao redor… Absolutamente tudo idilicamente bonito!

Clássica: uma foto com as florzinhas da trilha para o Soinsee

O que me encantou de verdade foram os pequenos riachos que correm a montanha. À medida que você chega perto do topo da montanha onde está localizado o lago e acompanha com o olhar o caminho que a água faz, percebe uma cachoeira caindo logo à frente.

Lá no alto da montanha, grupos de trilheiros se reuniam para piqueniques à beira das águas verde esmeralda do Soinsee. Uma mulher decidiu se arriscar nas águas geladas e um labrador nadava empolgado. Uma enorme pedra cortava a paisagem e o lago também.

Soinsee: onde grupos se reúnem para piqueniques

Não há cabanas, nem abrigos na trilha e no lago. Por isso, não se esqueça de levar bastante água e snacks. Como era feriado, os restaurantes e cafés da pequena Osterhofen também estavam todos fechados.

Alguns trilheiros se aventuravam a ir ainda mais alto. Nós, no entanto, decidimos voltar… É que o cansaço da primeira trilha do ano já estava instalado.

Devagar a gente vai longe – dizem.

Soinsee: quando ir?

O Soinsee é um lago que fica congelado até oito meses por ano. Por isso, o melhor período para visitá-lo é no fim da primavera e durante todo o verão, quando as paisagens já ganharam mais cor e o gelo derreteu.

Onde se hospedar

A trilha para Soinsee é perfeita para ser feita em um day trip a partir de Munique, mas se você preferir ficar na região pra explorar outras trilhas e apreciar a paisagem com calma, vale a pena se hospedar em uma das tradicionais guesthouses bávaras, como o Exklusives Alpenchalet, com sauna e jacuzzi, e o DEVA Hotel Alpenhof, com piscina e spa.

Você também poderá gostar de...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.